A dádiva de ser necessário

Certo dia desses estava eu conversando com uma amiga minha sobre o comportamento de algumas pessoas que procuram a gente apenas quando estão precisando de alguma coisa. Ela reclamava chateada porque a maioria das pessoas faziam isso com ela. Então analisando a conversa toda e todas as reclamações e etc, conclui que ser procurado apenas quando somos necessários é uma dádiva.

Sim muitas das vezes nos sentimos usados (o que de fato somos) por essas pessoas que nos procura apenas quando estão em apuros, porém isso não é algo ruim. É um dádiva, é um dom que temos de ser a luz no fim do túnel daqueles que não vem mais solução. E neste caso somos usados como instrumentos de Deus para dar um norte, uma palavra amiga, um conselho,um abraço, ou até mesmo apenas os ouvidos.

Hoje acredito que em vez de ficar chateada com o fato das pessoas me procurarem apenas quando precisam é algo que devo olhar com positividade, com alegria em poder ser útil. Saber que no meio de tantas pessoas você foi a escolhida para ser um intermediário da presença de Deus na vida dessa pessoa. E isso é uma coisa que deve ser vista como dádiva e não como um fardo ou mesmo um aproveitamento.

Se você é uma pessoa que é sempre lembrado nos momentos de aflição, de desespero, fique feliz por isso. Isso significa que além de ter um coração bom para sempre ajudar ao próximo você também é uma pessoa forte o suficiente para apoiar a quem precisa. E um enviado do Deus para iluminar a quem precisa mesmo que seja com pequenos gestos ou mesmo apenas emprestando seus ouvidos para ouvir um coração em aflição.

Seja grato por essa dadiva, e continue sendo um pessoa iluminada pela presença divina na vida das pessoa.

E então meu queridos, vocês concordam que somos instrumentos da vontade de Deus?

Gostaram do texto? Leia também outros textos de assuntos diversos na categoria textos .

E é claro deixe seus comentários e divulgue para os amigos,beijos e até a próxima!

Deixe um comentário: